Emendas BrSplice

Máquina de Emendas Brsplice SAS/2

Descrição

A Máquina de Emendas SAS/2 consiste em uma máquina semi automática que é alimentada por um rolo de fita contínuo.
A máquina corta, forma e aplica a emenda diretamente, deixando pronta a conexão altamente confiável em um mesmo ciclo de máquina, proporcionando maior rapidez e eliminando toda a perda de material entre as emendas.
As crimpagens são obtidas mediante uma precisa compressão dos materiais a serem unidos, sendo que o ferramental para cada caso é projetado para evitar o uso de força maior ou menor que o necessário para a perfeita conexão.
A força de prensagem determina a altura da crimpagem. Este é o mais importante parâmetro para se obter uma ótima conexão.
A profundidade da matriz é calculada de modo a alojar todos os fios a serem unidos, e a promover um contato total, sem vazios internos, entre os mesmos. Por outro lado, essa profundidade deve ser limitada, a fim de não enfraquecer mecanicamente a emenda.
A força de tração para qualquer crimpagem Brsplice é estabelecida para coincidir com a força de tração dos condutores envolvidos. Por isto, o Sistema Brsplice é automático e utiliza “limites positivos” para a altura.

Conceitos de Aplicação – Operações durante um ciclo

Corta – A fita especial tem o passo determinado pelas rodas de alimentação, reguláveis em função do tamanho da emenda. A fita é cortada na primeira parte do ciclo, obtendo-se aí o “blank”, ou peça desenvolvida.

Pré-forma – O “blank” é dobrado entre as guias e sobre uma bigorna retrátil, formando um “U” invertido.

Crimpa – O macho leva o “U” invertido até a matriz, comprimindo sobre a área de operação, até a perfeita crimpagem.

Clique Aqui, e veja opções de aplicações de emendas Brsplice.